Monday, September 12, 2005

Deve ser...

Deve ser dourada
Deve ser maternal
Essa luz que me abraça
Essa luz que me cerca
Deve ser natural...

Deve ter o calor
De um brando acordar
Deve ser sentimento
De um colo de mãe
Deve chamar por nós
Com uma voz doce
Que nos traga à memória
A lembrança querida
Dos nossos avós,

Deve ser dourada
Porque a quero bela
Deve ser sincera
Porque ela é aquela...
Deve ser celestial
Porque tem amor
Para a todos dar...
Deve ser sempre clara
Como a madrugada
Pois sendo o alvor de um novo dia
Quero que ela seja
Para todo o sempre,
Fonte de alegria...

1 Comments:

Anonymous Luis said...

Gostei desse teu poema Luz! Isso é bem de ti, toda sentimentalona!

3:20 PM  

Post a Comment

<< Home